segunda-feira, 14 de junho de 2010

Cinema Paradiso - Uma declaração de amor ao cinema.



Nuovo Cinema Paradiso - Itália - 1988.
Drama/Romance.
155 min.
Dirigido por Giuseppe Tornatore.
Roteirizado por Giuseppe Tornatore e Vanna Paoli.
Música:Andrea Morricone e Ennio Morricone
Fotografia:Blasco Giurato
Elenco:
Antonella Attili (Maria - jovem)
Enzo Cannavale (Spaccafico)
Isa Danieli (Anna)
Leo Gullotta (Usher)
Marco Leonardi (Salvatore - adolescente)
Pupella Maggio (Maria - idosa)
Agnese Nano (Elena - adolescente)
Leopoldo Trieste (Padre Adelfio)
Salvatore Cascio (Salvatore - criança)
Roberta Lina (Lia)
Nino Terzo (Pai de Peppino)
Jacques Perrin (Salvatores - adulto)
Brigitte Fossey (Elena - adulta)
Philippe Noiret (Alfredo)
Tano Cimarosa
Nicola Di Pinto
Prêmios:
Oscar 1990 - Melhor Filme Estrangeiro.
Globo de Ouro 1990 - Melhor Filme Estrangeiro.
Festival de Cannes 1989 - Grande Prêmio du Júri.
Indicado à Palma de Ouro.
Prêmio César 1990 - Melhor Poster, e indicação a Melhor Filme Estrangeiro.
Academia Japonesa de Cinema 1991 - Indicação a Melhor Filme Estrangeiro.
Prêmio David di Donatello 1989 - Melhor Música (Ennio Morricone).
BAFTA 1991 - Melhor Ator (Philippe Noiret), Melher Ator Coadjuvante (Salvatore Cascio), Melhor Filme em Língua Não Inglesa, Melhor Trilha Sonora Original e Melhor Roteiro Original. Indicado nas categorias de Melhor Fotografia, Melhor Figurino, Melhor Diretor, Melhor Edição, Melhor Maquiagem e Melhor Direção de Arte.

Olha meu nobre, caso eu escrevesse sobre este filme apenas a palavra belíssimo, e finalizasse a resenha... você ia pensar que eu estou bêbado. Mas só até assistir o filme... quem assistiu sabe do que eu estou falando. Esta pequena lista de premiações foi mais do que justa... Ter arrebatado um Oscar, diz apenas que o filme caiu nas graças do público, mas as demais premiações dispensam comentários. Se Cinema Paradiso não é a mais bela obra do cinema de todos os tempos, com certeza tem o mais belo roteiro original. Cinema Paradiso é a pequena pedra preciosa da história do cinema, e só não é capaz de tocar a alma de um homem, caso a vida já tenha dilacerado seus sentimentos, ao ponto dele desaprender a apreciar o belo.

-Ei Baio! Faz logo a sinopse, já saquei que o filme é bom. +Ok apressado leitor, esta obra trata diretamente da bela amizade entre o simpático Alfredo, um projecionista que está entrando na terceira idade, e Totó... um carismático garotinho apaixonado por cinema. O filme que tem uma maneira interessantíssima de contar seus próprios acontecimentos, nos remete a um mundo pós segunda guerra mundial... O que se torna plano de fundo, ao nos remeter também, ao início da avassaladora febre do cinema sobre as pessoas comuns, representada romanticamente por uma pequena cidade siciliana.

Nuovo Cinema Paradiso é uma obra dentro de outras obras, as mais influentes cenas do cinema até a época, são mostradas durante o filme... Mas toda esta grandiosidade vem se tornar apenas um palco, pra nos contar sobre a linda relação de amizade entre este bom homem solitário, e o peralta garotinho sonhador... cuja humilde mãe esperava eternamente o retorno do seu pai, que lhes havia sido roubado pela guerra. A paixão pelo cinema, fica como cenário para os acontecimentos, mas não deixa de ser parte importante do filme. E o nível muito respeitável das atuações na obra, nos faz ver o fascínio nos olhos dos personagens, pelo que acontece na grande tela. A intocável trilha sonora, vem apenas nos chamar ainda mais atenção à expressão artística na obra de Tornatore, onde até mesmo a câmera se mostra fundamental.

Bom caro leitor, não posso passar deste ponto sem ocasionar spoiler. Mas se você gosta realmente de cinema, indica que você precisa por os olhos no brilho desta jóia. E sinceramente... O final... ah o final! O desfecho desta obra é sensacional, tocante, belo, simples, inesperado. Vindo apenas pra nos lembrar o que é este filme. Uma real declaração de amor ao cinema... E com o frio que estou no momento, fico sem condições de tomar aquela gelada, mas vou agora mesmo rever este filme, na esperança que ele me aqueça a alma... mais uma vez...

Fiquem com o trailer


Guarde pra sempre esta bela obra:
Baixando aquí...
Lembre-se de baixar a legenda!

Não sabe o que raios fazer com a legenda?
Leia o post de instruções...

-Baião cara... adoro teu blog, te acho inteligente, bonito, e interessante... Tem online? +Não adianta babar, não tem online... Os sites de filmes online não costumam postar filmes clássicos, pois tem pouca procura. Não que poucas pessoas queiram os filmes, mas a maioria não quer ver online,e sim guardar pra sempre estas belas obras. Entendeu o recado xará?

...Até a próxima!

6 comentários:

  1. Cara, nem acredito que não conhecia isso.
    Filmão! e tem o melhor final que eu já ví.
    Valeu Marcio Baião, vou ficar acompanhando o cervabarata.

    ResponderExcluir
  2. Me estouro de rir quando leio este blog.
    Muito inteligente,pra variar!
    Continue.
    Só podia ser você mesmo.

    =)

    ResponderExcluir
  3. Fernandes: vou fazer o possível pra manter o padrão cara! E o filme é foda msmo...

    Anônimo(a): Eu costumo me axar engraçado mesmo... ainda bem que tem alguem que concorde rsrs.

    ResponderExcluir
  4. Mas não se ache muito não,viu.
    Já se acha demais!
    xD

    kkk...

    =)

    ResponderExcluir
  5. Que descrição linda do filme.
    Muito bom.

    ResponderExcluir