sábado, 19 de junho de 2010

MLL - Movimento Leitor Livre - Só consumimos o que queremos!!!



Pra quem ainda não sabe, está havendo um ataque massivo contra os sites que fornecem material escaneado. Mas a distribuição das revistas, continua sendo centralizada, e a um preço abusivo... Sem contar que temos que pagar uma cipoada, pra ler só uma parte do que queremos, e aguentar o mix de revistas retalhadas, e desrespeitos cronológicos, que as editoras brasileiras vem nos impondo desde sempre!

Os mais jovens não devem lembrar, mas os leitores brasileiros, a muito tempo atrás, tiveram que ler uma grande saga como Guerras Secretas, sem a presença da personagem Vampira... Pois ela ainda não tinha surgido nas revistas brasileiras. Logo, lemos um material destrinchado... Vocês sabem o tamanho desse absurdo? Nós brasileiros, praticamente lemos uma cronologia paralela, de qualquer universo fictício... Caso um leitor brasileiro venha a conversar sobre quadrinhos, com algum gringo, corre o sério risco de passar vergonha (não que isso importe tanto).

Mas o fato é: Pegam os originais, escolhem só o que eles acreditam ser mais vendável, mutilam completamente... e nos empurram goela abaixo... E agora não querem que tenhamos acesso a scans do material original... Pindalolas!!! Só me faltava essa...
O que virá depois? Vão retalhar filmes, e só vamos assistir as cenas vendáveis? Compraremos livros adaptados ao comércio brasileiro? E sem ter direito de saber como é o original??? O que é isso porra!?!? Que ditadura consumista do caralho é essa??

Tão ferrando até sites que divulgam material que nunca saiu... e provavelmente nunca vai sair no Brasil, pra quê isso?? Também vão dar cabo das banquinhas de revistas usadas? e só vender quadrinhos antigos pelo site, a um preço abusivo?

Sabe de uma coisa senhora editora, e senhores caçadores de "piratas"?... FODAM-SE!! Vou meter links pra scans importados, mesmo que seja em espanhol... que qualquer animal entende. E vocês ficam sem saída legal pra me ferrar.

E a partir de agora, nunca mais comprarei uma revista nova, vou esperar a revista chegar na banca de usados... Não importa o quanto eu esteja afim de ler. E vou convencer a maior quantidade de pessoas que eu puder, a tomar a mesma iniciativa. Até que vocês acabem com o milenar mercado de livros e revistas usados, só falta isso...

Eu espero anos pra ler um arco que saiu lá fora, não vai custar nada esperar uns três meses pra revista chegar nos sebos.

Sou um leitor livre!!! E tenho dito!!!

4 comentários: